Bancos ainda vão MAMAR mais

Como se não bastassem os milhões de euros que o Estado roubou do nosso bolso para injectar nos Bancos, (apesar dos bancos terem lucros), ainda vão dar mais 20 BILIÕES de euros de "ajuda" para a BANCA.
toca a mamar, é sempre a mamar e a encher os bolsos!

LINK AQUI



Se querem estimular a economia do País, eu tinha uma boa solução.
Pegavam nesses 20 biliões e distribuíam pelos cidadãos Portugueses, daria sensivelmente 2 milhões a cada Português, com esse dinheiro, cada Português poderia pagar casa e carro, pagar as contas ao fim do mês, comprar roupa e comida nas lojas (ajudando assim os comerciantes portugueses e a economia nacional) e uma parte do dinheiro ainda deixávamos nas nossas contas bancárias (ajudando a Banca).
Não seria melhor assim? 2 milhões de euros para cada Português, já !!!

22 comentários:

Mário Nunes disse...

Excelente a imagem. Mas eu ia mais longe auxiliava as empresas que passam por dificuldades e apoiava os cidadãos desempregados auxiliando-os a criarem o seu posto de trabalho e a criarem novos negócios, há um ditado chinês, que diz, que a um pescador com fome dá-lhe uma cana de pesca e não o peixe.

Carlos Gomes disse...

Do ponto económico é um erro de quem não percebe nada do assunto (sem ofensa, ninguém nasce sábio).

A isso tens que somar a irresponsabilidade das pessoas. Muito provavelmente ia tudo deixar de trabalhar, comprar grandes quintas, grandes carros, iates, até chegar ao ponto em que apercebem-se que sem fonte de rendimento, vão acabar na banca rota.
Ainda além disso, não te esqueças que o dinheiro voltaria às grandes corporativas, de qualquer forma, pelo motivo anterior.

Não passa por aí a solução, basta veres a Noruega que não deu biliões a ninguém e o salário médio ultrapassa os 4000€

Cruxe disse...

Caro Sílvio, que contas são essas?
20 biliões dá 2 biliões a cada português? Nós somos mais que 10.. eheheh.
Talvez 2 milhões a cada português, isso sim. :)

Como eu me farto-me de dizer: acabar com a pobreza não dá lucro.

MindLouka disse...

Nem sabe a revolta que isso me causa,...mas enfim...NÃO NOS PODEMOS CALAR E POR ESTE ANDAR NUNCA MAIS SAIREMOS DE CRISE!!!!!VÃO CONTINUAR A FAZER A MESMA MERDA DE SEMPRE!CHUPISTAS!

Miguel Lopes disse...

Essa ideia de distribuir o dinheiro pelos portugueses e consequente também trazer vantagens à economia portuguesa é muito boa mas infelizmente no país em que vivemos com os corruptos todos no poder a probabilidade disso acontecer é 0%...

Anónimo disse...

como e que 20 bilioes davam 2 bilioes a cada portugues?
Tadinhos dos porquinhos pretos que sao tao giros.
bj

Anónimo disse...

Quando nossa humanidade é deixada em paz, sem pressão e em liberdade para escolher o rumo que pretende dar à própria Vida, ela se mostra confiável em sua criatividade e cheia de entusiasmo pelo futuro. Por isso mesmo nossa humanidade não é deixada em paz e, atualmente, se pretende tirar dela o máximo possível de liberdade de expressão e pensamento. Durou pouco a festa em que celebramos o fim das ditaduras, porque os mesmos humanos que lutaram e deram seu sangue para terminar com elas foram tomados pela “Síndrome de Estocolmo”, que explica a razão de os sequestrados defenderem os sequestradores. A ditadura ressuscita hoje em dia através dos que lutaram contra ela. E vai tentar dormir à noite com uma idéia dessas na cabeça!

O destino se escreve a quatro mãos. Duas mãos são do céu (da Equipe de Supervisão), dos misteriosos desígnios estelares que provêm as oportunidades. As outras duas são as suas, que aproveitam essas oportunidades empreendendo a ação correta.

Muito conhecer e pouco fazer é o início da congestão mental. Dessa forma, o tempo passa e suas palavras se tornam vazias, porque não servem ao propósito de levar à prática o que a mente adquiriu na forma de conhecimento.

Ainda que os ideais sejam insensatos, mesmo assim vale a pena esforçar-se para realizá-los. Acontece que quando nossa humanidade é desprovida de ideais ela não avança nem progride, apenas repete o mesmo de sempre.

Preserve os bons sentimentos ainda que a dose de conflitos atual faça você duvidar dos mesmos. Os conflitos passarão, mas os bons sentimentos permanecerão. Esta é uma regra que o tempo não consegue vencer.

Anónimo disse...

http://www.globalresearch.ca/index.php?context=va&aid=10404

Le isto, sff.

x1co disse...

Não dava 2 biliões a cada ;)

R.O disse...

Muita gente reparou que me enganei nas contas, alguns comentários ofensivos e críticas negativas apaguei.
As críticas positivas eu publiquei. Como podem ver não houve censura, publiquei comentários de pessoas que disseram que fiz mal as contas.

A diferença é que alguns deixaram críticas ofensivas e aproveitaram para criticar todos os assuntos do blog. Outros deixaram críticas ou reparos, foram reparos positivos, a vós agradeço.


Realmente é fácil dar erros de contas, porque eram muitos biliões e fiz contas de cabeça, ainda por cima quando passo horas a fio ao computador e de madrugada também, a cabeça anda cansada.

Mas o importante era a mensagem, os bancos andam a mamar biliões e nós é que somos chulados, não é justo.

Ah, queria fazer ainda outro comentário..

Alguém falou «não é 20 biliões, é 20.000 milhões ..»
Então 20 mil milhões, não é 20 biliões?
20.000 megas, por exemplo, são 20 gigas, 20.000 gigas seriam 20 teras

R.O disse...

Nem todos os Portugueses iriam esbanjar o dinheiro, não podemos generalizar.

Por exemplo houve pessoas que com pouco dinheiro fizeram fortuna, outros ganharam milhões no “euromilhões”, e esbanjaram tudo.

Alguns poderiam investir o dinheiro em acções, ou criar pequena empresa, etc.

R.O disse...

Interessante esse link do Global Research, mas como vamos combater a BANCA?
Eles têm muito poder e mandam no Governo endividado, etc.

Acho que podemos é ir tirando o dinheiro “virtual” do banco, e começando a investir em bens materiais ( ouro, prata, objectos de valor, carro, etc).

E se houver então uma crise, não passaremos fome, porque podemos ir trocando esses bens materiais por outros, ou por roupa, comida, etc

Anónimo disse...

Sistema L.E.T.S. e a solucao.
Mas temos de produzir algo tambem.
Em Londres esta a circular a Brixton Pound.
Nos EUA os Itacca Dollars.

SockeT disse...

"Alguém falou «não é 20 biliões, é 20.000 milhões ..»" - citando-te, o erro de quem disse isso deve ter sido porque no brasil se diz 20.000 milhões = 20 mil milhões, e 20.000.000 milhões = 20 biliões. nada de muito importante para a notícia.

Anónimo disse...

Só uma nota. No EUA (e penso que também no Brasil) 20 mil euros são, de facto, 20 biliões. Em Portugal 20 biliões são vinte milhões de milhões, se me percebem.

Anónimo disse...

Só um link para confirmar o que eu disse sobre os biliões:

http://ciberduvidas.sapo.pt/pergunta.php?id=25726

bigkax disse...

20 biliões são 20.000 milhões nos USA(por exemplo) em Portugal 20 biliões são 20.000 milhares de milhões.
Não estou a criticar o teu trabalho porque até aprecio bastante, acho é que como tu compartilhas o teu conhecimento com connosco, nos devemos fazer o mesmo. Acho muito normal que com o visionamento de filmes/series Americanas em que o sistema é diferente que as pessoas pensem que as unidades são iguais, o que na minha opinião fazia todo o sentido serem.
Mas como o jornalista disse são 20.000 milhões e não 20 biliões.

Já agora visto que 1GB são 1024MB, 20.480MB é que seria de 20GB

TiagoFerreira disse...

O Bigkax tem razão R.O.... :) O bilião difere dos EUA para a Europa. Nos EUA é um numero com 9 zeros e na Europa é um numero com 12 zeros.

Tens uma explicação boa no youtube.

Quanto ao teor da noticia, o Estado nao vai dar 20 mil milhões aos bancos, o que vai fazer, é dar um aval nesse montante, que é muito diferente a nivel económico.

Anónimo disse...

OMG!! 20 mil euros = 2o bilhões de reais, de dólares??
O anônimo acima não sabe o q diz...

Migas disse...

À parte da tua opinião sobre a banca, desta vez discordo contigo, Sílvio.
20 mil milhões de euros (como diz na notícia) a dividir, que seja, por 10 milhões de portugueses dá 2000 euros a cada um. Estou mesmo a ver onde o tuga iria torrar este dinheirinho...

Anónimo disse...

O estado não vai dar dinheiro a nenhum banco. Vai conceder um aval. Ou seja, vai permitir que a banca recorra ao crédito até 20 mil milhões de euros, sendo o estado o "fiador" nesse crédito.

R.O disse...

Mas que raio de conversa é essa!?
O estado vai ser fiador?
O estado não tem dinheiro, usa dinheiro dos contribuintes (nós), nós pagamos impostos, portanto será dinheiro nosso.

e neste ano , devido à crise, o Estado injectou milhões nos bancos, $$4, é um facto verídico.

portanto agora vai ser diferente? duvido...

 


Realidade Oculta -