Vem aí a escravatura !

Quando se falava na crise da Grécia e nas medidas de austeridade que o Governo Grego iria tomar, a primeira coisa que me ocorreu foi « ora.. O Governo Português provavelmente vai querer imitar essas ideias.. »

Parece que vai mesmo.
Hoje no telejornal da SIC mencionaram que algumas medidas de austeridade que Portugal quer tomar, são:
Congelar salários, cortar subsídios de férias e subsídios de Natal à malta...

Vem aí a escravatura!

Link da SIC
.

«Um grupo de economistas do movimento cívico SEDES defende que as medidas de austeridade devem ser duras e com efeito já no próximo ano. »

« para que a dureza das medidas possa ser entendida pelos portugueses, é essencial que haja moralização das instituições e da actividade política". Cortar nos subsídios de férias e de Natal, como aconteceu na Grécia, pode ser uma solução. »

10 comentários:

Nuno Cabrita disse...

ola silvio

não sei viste entrevista medina carreira, pessoa integra mas ja nao governa,na qual a economia precisa de entre outras coisas de de levar um abanão, ou seja diminuir os gastos fazem diariamente.precisamos economia produtiva e nao despesista.ja viste depois contruir obras publicas tgv ou aeroporto os custos de manutenção futuros acarretam.andamos no futuro a pagar serviços hoje!!a continuar assim qualquer dia vamos trabalhar 14 horas como acontece na china ou como acontecia no tempo roças de sao tome e principe.ai sim seriamos autenticos escravos

The Napster disse...

tem que ser... senão daqui a uns anos é que vem a verdadeira escravatura

R.O disse...

fico triste em ler comentários como o seu, NAPSTER.

isso é discurso de ovelha do rebanho manipulada..
Você está sendo manipulado pelo Governo.

ELES querem que o povo acredite que esses sacrifícios são para o bem do País, para evitarmos cair na banca rota, etc.
mas é tudo MENTIRA!!!!

Nós geramor riqueza para o País,
todos os meses o governo tira uma percentagem do nosso salário para IMPOSTOS.
e tudo o que compramos nas lojas (seja comida, roupa, gasolina etc) tem impostos.
Medicamentos que compramos, têm impostos.

CENTENAS de produtos que compramos por mês, têm impostos.
nós damos quase todo o dinheiro que temos (mensalmente) de volta para o ESTADO em forma de impostos.

e o estado, dá-nos um pontapé no cú.

o Estado exige que o povo se sacrifique cada vez mais, mais mais.

mas os salários dos políticos?? Será que são reduzidos? será que os políticos também vão ficar sem subsídio de natal e de ferias?
será que vão ter menos impostos e deduções de irs em medicamentos?

claro que não!!


os sacrifícios são apenas para o povo..

eu JURO pela minha SAÚDE que:
se todos os 10 milhões de portugueses abdicassem do seu salário mensal, e doassem todos os seus bens materiais ao ESTADO, e o ESTADO lucrasse biliões de euros...
o Estado iria continuar a dizer que não era o suficiente, iria exigir ainda mais mais mais.


o ESTADO é uma baleia com estômago sem fundo, é uma BESTA insaciável..

Stefano disse...

arbeit macht frei !!
(ironic mode)

Anónimo disse...

napster o teu comment foi demais LoL

deves ter dito isso porque não vais ser tu que vais perder esses subsídios... o R.O disse o resto...

Baican disse...

Concordo com o que você disse. Os políticos do teu país não são diferentes do meu brasil varonil.

Anónimo disse...

Ontem de conversa à mesa com família, falava-se como há 50 anos atrás havia muita miséria em Portugal. Como a comida era racionada, uma sardinha para duas pessoas, quem tivesse a felicidade de criar um porco, tinha carne pelo menos para seis meses, numa família de quase 10 pessoas. O meu pai chegou-me a falar das vezes que tinha que ir roubar hortas da vizinhança. Quem tinha trabalho sabia que era duro e 12 horas por dia a ganhar merda.
Lutamos muito para ter aquilo que temos hoje. Meu pai trabalhou muito por este pais. Teve na guerra em África, trabalhou até morrer aos 54 anos de cancro. Meu pai foi um lutador!
Devemos racionar sim, ter inteligência para não nos endividarmos, mas vou lutar até à morte para que nós e descendentes nunca mais tenham que privar-se do básico da vida para sustentar as elites que teimam pensar que mandam no planeta.

Hugov, 31 anos, Portugal

Anónimo disse...

R.O muito bem dito sem tirar nem por!

pirate disse...

se têm que baixar os salarios cortar nos subsidios de feria e subsidios de natal porque e que (estranhamente) os salarios e subsidios dos ministros nao baixaram, acho estranhissimo

Anónimo disse...

Up Your's N.O.W.

 


Realidade Oculta -