Wikileaks , Portugal e a CIA

Portugal aparece hoje num documento revelado plo site Wikileaks.
Um telegrama da embaixada dos EUA em Lisboa admite que o Governo norte- americano pediu a Portugal para deixar passar em território nacional voos da CIA, com suspeitos de terrorismo a bordo. ( algo que já sabíamos)
O documento, agora revelado, data de Outubro de 2006 e é classificado como secreto.
O correspondente da Antena 1 e da agência Lusa em Madrid, António Sampaio, foi espreitar este documento sobre Portugal.

Link RTP.

5 comentários:

MLG disse...

As divulgações da mídia oficial apenas mostra quão sionista e censuradora ela é, tentaram usar os documentos do Wikileaks para incriminar o Irão, Paquistão, Coreia do Norte e China.

Por que a mídia não mostrou os EUA dizendo que usaria hackers para atacar o sistema elétrico do Brasil, durante as Olimpíadas do Rio de Janeiro??

Nós não podemos descobrir que os EUA são os verdadeiros terroristas?

Por que não mostraram o Chefe da Mossad, dizendo que o grupo terrorista Fatah é uma criação do próprio exército de Israel, que Abu Mazen é um agente da Mossad da mesma forma que o senador americano John Kerry, e que a IDF em apenas um ano deu U$6.000.000.000,00 para os extremistas islâmicos?

Nós não podemos saber que é Israel quem cria os homens-bomba, para justificar a limpeza étnica na região?

Por que não divulgaram o documento da embaixada de Bruxelas, aonde é explicado em detalhes que os EUA não seguem a Convenção de Genebra no Afeganistão, e praticam "Guerra Total" na região?

Todos os documentos do Wikileaks.

http://www.mediafire.com/?xt3qxudv3vyjt1d

MLG disse...

PARTE1

REF: A. LISBOA 2005 1609
¶ B. LISBOA 1921
¶ C. Outubro DVC 12 (com o DOS DOD E EMBAIXADA DE LISBOA)

¶ 1. (S / NF) Resumo: Ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal oferecida a
demitir-se as forças da oposição pode demonstrar qualquer cumplicidade no
parte do governo em relação à alegada ilegais da CIA
voos de transferência através do território Português. Enquanto um
investigação do governo refutou essas alegações, a
saga continua devido ao partido da oposição continuou e europeu
Parlamento pressão. Esta pressão complica os EUA
pedido para repatriar prisioneiros de Guantánamo por Portugal. Fim
sumário.

¶ 2. (U) pressão contínua de Esquerda de Portugal e do Bloc
Parlamento Europeu levou a uma discussão mal-humorada, em Portugal,
Parlamento em 18 de outubro, na qual o chanceler Luis
Amado ofereceu renunciar se a oposição poderia provar
Governo de Portugal (GOP) cumplicidade com o governo dos EUA
referente a alegados voos ilegais da CIA violar Português
soberania.

¶ 3. testemunho mais recente (U) Amado refletia o seu
antecessor, Diogo Freitas do Amaral, em Dezembro de 2005 (Ref. A)
e seu próprio testemunho anterior em 05 de setembro deste ano,
Constatando o Partido Republicano havia concluído uma investigação que descobriu
nenhuma informação para apoiar as alegações de que os voos da CIA
violaram o território de Portugal ou do espaço aéreo para o transporte
suspeitos de terrorismo. Amado, disse à Comissão Parlamentar
que "nenhuma das explicações ou dados coletados ...
constitui um indício credível que a lei pode ter sido
quebrados em solo Português. "Ele passou a dizer aos repórteres
que uma investigação conjunta por quatro departamentos do governo,
envolvendo também as agências de inteligência do país,
serviço de imigração e as autoridades de controle de vôo, realizado
uma análise dos movimentos de avião, mas não encontrou nenhuma evidência firme. "
Amado admitiu que os alegados voos da CIA poderiam ter vindo
através de Portugal, mas acrescentou que Portugal "não tem nada a ser
envergonhar. "Segundo o ministro, não há provas
que a CIA cometeu atos ilegais em território Português
e ainda afirmou que não tinha nada, mas "total
transparência e cooperação "das autoridades americanas.

¶ 4. (U) Freitas do Amaral tinha oferecido o governo
investigação como uma forma de abordar as acusações. A
resultados, no entanto, não ter silenciado os críticos do Partido Republicano,
especialmente no Bloco de Esquerda ou do Parlamento Europeu.
Parlamento de Portugal criou uma comissão ad hoc
para continuar as audiências sobre o assunto e uma delegação do
Parlamento Europeu está agendada para visitar Portugal em
Dezembro a entrevista Amado, que recusou-se a visita
Bruxelas para se reunir com o Euro Deputados.

Efeito sobre o pedido de repatriação
------------------------------
¶ 5. testemunho (S / NF) Amado reflecte a continuação da política
e os meios de pressão sobre o Partido Republicano a respeito deste assunto e
faz esforços do Partido Republicano para ajudar na repatriação de
Guantanamo detidos ainda mais difícil. É crítico
que os leitores de Washington reconhecer a necessidade do Partido Republicano para assegurar
que está no fundamento jurídico sólido sobre o nosso pedido de
detentos.

¶ 6. (S / NF) Português lei, tal como interpretado pelo Partido Republicano (que
pode mudar), exige uma garantia escrita da final
o país de destino que os detidos não serão torturados ou
receber a pena de morte, bem como a garantia dos EUA que eles
serão tratados de acordo com reconhecida internacionalmente
convenções no país de destino. Sem essas
garantias, os republicanos terão dificuldade em apoiar n
voos de repatriamento em território Português ou
espaço aéreo. Aguardamos ansiosamente a resposta de Washington destinatários
Português como os pontos discutidos Ref C. O GOP
sem dúvida, esperam que esta questão seja discutida na outubro
24 encontro entre Amado e Secretária Rice em Washington.

MLG disse...

Documento secreto da embaixada dos EUA em Lisboa

http://www.mediafire.com/?7btf1jyi0c7pwd4

Anónimo disse...

madrid ajudou cia?
zapatero ajudou cia?

R.O disse...

obrigado Mlg por esse documento.
é pena não ser o screen do documento original (em imagem ou pdf).
isso é formato html, e tem lá hyperlinks de atalhos mas quando eu cliquei não abria esses atalhos, era pagina html do wikileaks?

ali diziam que os MÉDIA iriam sensacionalizar o assunto.
mas na verdade não foi bem assim, a revista "VISÃO" foi a primeira a falar dos vôos da CIA, sempre com seriedade.
mesmo quando o Governo criticou a revista e desmentiu.

mais tarde soube-se que foi verdade, houve vôos da CIA,

e só depois os outros jornais tocaram no tema.

mas a "Visão" foi a primeira, até divulgou fotos dos aviões.

 


Realidade Oculta -