A fraude do 13º Salário

O "13º Salário" foi implementado no Brasil nos anos 60, em Portugal em 1974, e está mais ou menos institucionalizado em versões locais na Europa e América do Sul, mas não nos USA, onde os trabalhadores são pagos "à semana" e não "ao mês".

Como funciona o 13º mês?

Suponhamos que ganhamos 400€ por mês.
Multiplicando-se esse salário por doze meses, temos ao fim do ano 4.800€. (400x12 = 4.800)
Quando chega Dezembro, recebemos o conhecido "Décimo Terceiro Mês". (4.800€ (Salário anual)+ 400€ (Décimo Terceiro) = 5.200 € (Salário anual mais o Décimo Terceiro)
Aparentemente ofereceram-nos 400€, pelos quais não trabalhou.


Parece certo. Onde é que está a fraude?
Se o trabalhador recebe 400€ por mês será razoável pensar que recebe 100€ por semana, já que o mês tem em, média, quatro semanas.
400€ (Salário mensal) : 4 (semanas do mês) = 100€ (Salário semanal)
Continua a parecer certo. Então onde é que está a fraude?


A fraude está aqui:
O ano tem 52 semanas.
Se multiplicarmos 100 € (Salário semanal) por 52 (número de semanas anuais) o resultado será 5.200€. (100 (Salário semanal) * 52 (número de semanas anuais) = 5.200)
O resultado acima é o mesmo valor do Salário anual mais o Décimo Terceiro
Explicação:
A resposta é que nos roubam uma parte do salário durante todo o ano, pela simples razão de que há meses com 30 dias, outros com 31, mas uma semana são 7 dias, 4 semanas são 28, não são 30 nem 31, mas o salário é o mesmo tenha o mês 30 ou 31 dias, só nos pagam 4 semanas, ou seja, 28 dias.


No final do ano o "décimo terceiro" é apenas o que não nos foi pago durante o ano.
É salário já vencido e não um adicional. Faria parte do ordenado normal se nos pagassem "à semana".
Não venham com a treta, a dizer-nos que nos Estados Unidos da América e no Canadá, não pagam o 13.º mês.
Os políticos portugueses, esses vampiros e sanguessugas, querem continuar a fazer do povo ignorantes e estúpidos!
Lembrem-se disto quando nos tirarem o 13º mês "por causa DA crise" como se nos estivessem a tirar um bónus pelo qual não trabalhamos.

9 comentários:

x1co disse...

Nunca tinha pensado nisso...
a sério.. este políticos bahhh

Anónimo disse...

Boas Silvio,

Sim, isto é verdade, eu por exemplo tenho um part-time de fim-de-semana e quer os meses tenha 4 fins-de-semana, quer tenham 5, eu recebo exactamente o mesmo! Ou seja, trabalho 2 dias de graça em meses com 5 fins-de-semana!
Abraço,

Silverboy

Anónimo disse...

mas pera lá tenho uma duvida, nós não trabalhamos 7 dias por semana, temos direito a pelo menos uma folga não é?, então não trabalhamos 7 dias por semana, ou 6 ou 5 dias por semana...

Anónimo disse...

Boa noite! Se 1 ano tem 365 dias ou 52 semanas e tem 104 dias de finais de semana + cerca de 11 feriados nacionais dos quais um cidadao comum nao trabalha, se pensarmos um pouquinho esse trabalhador so trabalha 250 dias num ano, 21 dias por mes. Gostava de resposta ao meu raciocinio

Anónimo disse...

Boas anónimo,

É verdade que trabalhas 6/5 dias por semana, sendo o Sábado dia de descanso opcional e o Domingo dia de descanso obrigatório.
Contudo, perfazes sempre as 40h semanais de trabalho, é sobre essa carga horária que incide o teu horário e não sobre o facto de trabalhares Sábados ou Domingos, que quando trabalhados contam como trabalho suplementar, que é remunerado de forma diferente da retribuição normal.
Abraço

Silverboy

R.O disse...

É verdade "anónimo", tem razão..
Muitos portugueses comuns,e também funcionários públicos, não trabalham feriados, e até fazem pontes, ou metem um diazinho de férias.
conheço muita gente assim.

Mas também há milhares de Portugueses que trabalham feriados... ( e nem sequer os ganham a dobrar).
Um exemplo são os que trabalhem por turnos, seja polícias, vigilantes, pessoal de fábricas etc.
Eu por exemplo trabalho por turnos, até trabalhei Natal e ano-Novo.
E não pagam a dobrar, hoje em dia pagam uns 70% a mais, mas não é a dobrar, além disso no recibo aplicam mais descontos... Nunca vemos a totalidade do dinheiro dos feriados...

R.O disse...

continuando o tema dos feriados que não se trabalha.


Há um outro ponto-de-vista.

Há meses que têm 31 dias, portanto em vez dos trinta dias, fazemos um dia de serviço extra, provavelmente...
Mas recebemos 22 dias úteis, há empresas que no recibo pagam ao dia.
Outros pagam um valor "base" de 22 dias úteis por mês..
enfim....

Cruxe disse...

A questão é que não se pode arredondar o mes para 4 semanas.
Se num ano (12 meses) existem 52 semanas, então quem ganha 400 Euros por mes ganha na realidade 93 Euros por semana: 52/12 = 4,3 semanas por mês. Logo 400/4,3 = 93 Euros por semana.

E111mecanica disse...

O salario é pago por horas trabalhadas e não por mês

 


Realidade Oculta -