Fuga radioactiva equivale a 168 bombas Hiroshima

A agência nuclear japonesa afirmou que a quantidade de césio radioactivo libertada pela central de Fukushima, destruída em Março passado, é equivalente ao que seria emitido se explodissem 168 bombas atómicas iguais àquelas que destruíram Hiroshima.

A Agência Nuclear e de Segurança Industrial japonesa afirmou que esta estimativa, hoje divulgada oficialmente, foi pedida por um comité parlamentar.

Os peritos realçaram, no entanto, não ser possível comparar uma explosão momentânea de uma bomba e uma perda contínua, como aquela que foi registada nos reactores da central de Fukushima.

Segundo o jornal Tokyo Shimbun, que avançou na quinta-feira alguns pormenores das estimativas governamentais, os reatores de Fukushima, fortemente danificados por um sismo e um tsunami em março passado, libertaram até agora 15.000 terabecquerels de césio 137.
Em agosto de 1945, no final da II Guerra Mundial, a bomba atómica lançada pelo exército norte-americano sobre a cidade japonesa de Hiroshima libertou instantaneamente na atmosfera 89 terabecquerels deste isótopo, cujo período radioactivo é de 30 anos, acrescentou o mesmo jornal.


fonte: Diário digital


0 comentários:

 


Realidade Oculta -