Sem Máscara














Os políticos já não têm medo de deixar cair a máscara e revelar a sua verdadeira essência interior Obscura e perversa, cada dia que passa soltam frases mais polémicas. Gozam com a pobreza e miséria dos Portugeses, ora vamos relembrar algumas das frases mais polémicas de  2012 :

Em Janeiro de 2012 Cavaco Silva (actual Presidente da república ) dizia que a sua reforma não chegava para pagar as próprias despesas. ( coitadinho, com salário de Presidente e pensões acumuladas, ganha cerca de 13.000 euros por mês, e acha pouco!!).


Passos Coelho ( actual primeiro ministro) foi o que mais vezes ofendeu os Portugueses. Uma vez disse que os Portugueses eram piegas. Outra vez disse que devemos encarar o desemprego como uma oportunidade. Também disse aos Portugueses que deviam emigrar.

Uma nova Polémica surgiu este Natal quando no facebook ele divulgou uma mensagem a falar que não foi o Natal que merecíamos, e que em alguns casos faltou comida na mesa (certamente não falada dele próprio nem da família dele!!) e que os Portugueses devem ter orgulho dos sacrifícios.


É um falso e goza com os problemas dos Portugueses! Se realmente estivesse preocupado com os que passam fome, não teria chamado «piegas» aos Portugueses, não?

Isabel Jonet, presidente  da Federação dos Bancos Alimentares , disse que os Portugueses têm que aprender a viver mais pobres.


Fernando Leal da Costa , secretário de Estado da Saúde, basicamente disse aos Portugueses para prevenirem doenças (evitar ficar doentes), para ajudar o S.N.S .

 
Resumindo : Somos uns «Piegas», devemos emigrar ou habituar-nos a ser pobres, comer menos bifes e EVITAR FICAR DOENTES!!
Daqui a uns meses talvez os políticos se descaiam e digam «Os Portugueses deviam morrer todos» , será?? Só faltava dizerem isso.

3 comentários:

Anónimo disse...

Pois esse é mesmo o objectivo deles:é que morram muitos...senão não cortavam os medicamentos nos hospitais,não tornavam os tratamentos só acessiveis a carteiras recheadas,faziam pelo crescimento da economia para as pessoas terem emprego,não tiravam o dinheiro que as pessoas precisam para comer...quantos mais idosos morrerem mais o estado poupa,ficam com mais dinheiro para estourarem em luxos e reforçarem as contas dos off-shore...não esqueçamos que há muitas crianças dependentes da reformazita dos avos para não passarem tanta fome...o objectivo é mesmo esse!afinal se houver muita gente no mundo isto torna-se insustentável!Tambem para eles,mas como tem o poder vão matar primeiro os outros e assim talvez eles sobrevivam...mas estão muito enganados!

Aldo Luiz disse...

Caros amigos.
Bom ano para todos! Todas as bençãos!
Foi e é ótimo conviver com todas as diferenças, os infinitos espelhos e ângulos desta unidade que emana do centro criador de onde tudo vem e para onde tudo vai. Continuemos nosso treinamento de amor incondicional, este é o propósito de nossas existências, seja na beira mar ou no interior, todos buscam sempre mais amor.
Os dedos nas mágoas do mundo são para não perdermos de vista o necessário perdão aos que pensaram poder nos ferir. Perdão a nós mesmos, com nossos programas e memórias escravagistas, nossos verdadeiros únicos escravizadores carcereiros.

Que o ano traga a luz que extingue esta escuridão que nos impede ver o quão vazio é este labirinto do nada em que nos deixamos aprisionar.

Que cada um nesta noite possa admirar as miríades de estrelas e refletir sobre a imensidão da oportunidade deste momento.

Feliz oportunidade nova a cada agora deste 2013, a todos; sem exceções.
Bendita seja a Internet. Longa e saudável vida a todos.
Vos amo e sou grato.

Aldo Luiz disse...

Caros amigos.
Bom ano para todos! Todas as bençãos!
Foi e é ótimo conviver com todas as diferenças, os infinitos espelhos e ângulos desta unidade que emana do centro criador de onde tudo vem e para onde tudo vai. Continuemos nosso treinamento de amor incondicional, este é o propósito de nossas existências, seja na beira mar ou no interior, todos buscam sempre mais amor.
Os dedos nas mágoas do mundo são para não perdermos de vista o necessário perdão aos que pensaram poder nos ferir. Perdão a nós mesmos, com nossos programas e memórias escravagistas, nossos verdadeiros únicos escravizadores carcereiros.

Que o ano traga a luz que extingue esta escuridão que nos impede ver o quão vazio é este labirinto do nada em que nos deixamos aprisionar.

Que cada um nesta noite possa admirar as miríades de estrelas e refletir sobre a imensidão da oportunidade deste momento.

Feliz oportunidade nova a cada agora deste 2013, a todos; sem exceções.
Bendita seja a Internet. Longa e saudável vida a todos.
Vos amo e sou grato.

 


Realidade Oculta -